filw17dy0q

           Esse vídeo foi editado a partir de um filme  da MISSÃO PORTAS ABERTAS chamado “A NOIVA DO ORIENTE”. Como base também foram usados outros vídeos de “Missões” e “Igreja Perseguida” encontrados no You Tube. A trilha é do filme “A Paixão de Cristo” e de um outo vídeo do Portas Abertas (You Tube). Esse vídeo foi feito para passar em uma conferência missionária e o objetivo dele é nos despertar para orarmos mais pelos nossos irmãos da IGREJA PERSEGUIDA. Espero que através desse vídeo o Espírito Santo te desperte a INTERCEDER ainda mais pela vida e pela fé desses nossos irmãos em Cristo.

missoesprismar

                          ” E também todos os que piamente querem viver em
                                          Cristo Jesus padecerão perseguições.”

                                                                I Tm 3:12

      DEUS nos criou, JESUS nos comprou- Nossas vidas não nos pertencem!

                     Lembro-me de que, quando criança, levei para sala de aula alguns desenhos que havia feito de personagens televisivos. Após a recreação, percebi que havia sumido, depois de algum tempo encontrei-os na posse de um menino que dissera tê-los encontrado no lixo. O garoto disse que se eu os quisesse de volta deveria pagar, então paguei para evitar maiores transtornos. Oba! Reencontrei-os e agora eles eram meus por dois motivos; primeiro – Eu os fiz! Desenhei, pintei, enfim, eu criei. E em segundo lugar, eu paguei por eles. E agora, ninguém mais poderia tirá-los de mim. Não fez Deus o mesmo por nós? Ele nos criou à sua imagem e semelhança. Contudo, o diabo, que veio para roubar matar e destruir (Jo 10:10), nos jogou na lama do pecado e  no lixo. Entretanto, Deus nos comprou, não por uma quantia irrisória, mas pelo maior preço possível; o sangue de seu filho primogênito – JESUS CRISTO. Assim sendo meus amados, devemos pensar sempre como o missionário C.T.Studd ao recitar “Se Cristo é Deus e morreu por mim, nenhum sacrifício pode ser demasiadamente grande para eu fazer”. E, assim, viveremos para Cristo sem olharmos para os obstáculos intransponíveis, as perseguições e as dificuldades que se levantam contra aqueles que fazem a obra de Deus. Nada podemos esperar do mundo que jaz no maligno, senão ardis, perseguições e tribulações, uma vez que “Os profetas foram perseguidos”( Hb 11.36-38), “O Senhor Jesus foi perseguido” (Jo 15.20),“Os apóstolos foram perseguidos” (At 4.3),“A Igreja foi perseguida” (At 8.1),“O apóstolo dos gentios foi perseguido” (2 Co 11.23-26) e ainda hoje, os que seguem a Jesus são perseguidos (2 Tm 3.12). A igreja tem o dom da fertilidade proveniente de Deus. O primeiro ato evangelístico da igreja, na manhã de Pentecoste, com o sermão de Pedro, o número da igreja aumentou  25 vezes.

                         A História das Missões revela que a igreja é capaz de expandir-se sob condições mais adversas. Conhecemos relatos de pastores que são presos e condenados por amor a Jesus, crianças com menos de dez anos, que por causa de sua fé, são assassinadas. Todavia, a perseguição é incapaz de impedir o crescimento da igreja que tem entrado em lugares totalmente trancados ao evangelho, nossos irmãos têm sido entregues todos os dias aos matadouros. Como ovelhas mudas, seus testemunhos têm ecoado como fortes gritos nas almas de homens impiedosos, por amor à obra e ao Deus da obra entregam suas vidas. Se Deus no criou e Cristo nos comprou, jamais poderemos pensar que nossas vidas nos pertencem, e tudo que a envolve, quer seja finanças, recursos, tempo, filhos, tudo que temos e somos provêm de Deus e devemos usar para Sua glória. Ore, contribua e faça missões no campo que o Senhor das Missões tem te colocado, seja nos confins da terra, ou em sua própria rua ou casa.

 

       VOCÊ TEM UMA OBRA A EXECULTAR- O SENHOR DA CEIFA ESTÁ CHAMANDO!
-Senhor, eis- me aqui, minha vida é Tua! Usa-me!

Por Marvyo  Dharlley

Anúncios

Sustento de Missionários

segura corda

“Assim ordenou também o Senhor aos que anunciam o evangelho, que vivam do evangelho.”

    (1 Co 9:14 )

 

                    Os missionários e os obreiros em geral são sustentados financeiramente pela igreja. A fonte ou origem desses recursos é a própria igreja. Foi Deus quem estabeleceu que o crente contribua para que o seu povo tenha os recursos suficientes para a expansão do evangelho e manutenção da obra do Senhor.

Quando falamos sobre contribuição para missões, sempre tem alguém que diz:

 – Eu já dou o dízimo e assim já faço missões. Vamos pontuar as diferenças entre dízimos e ofertas.

 Dízimos. O dízimo é a décima parte da renda de uma pessoa. À luz de 1 Co 16.2 é a contribuição financeira mínima que o crente deve oferecer para a obra de Deus. Já existia antes da lei (Gn 14.20; 28.22); instituído por Moisés na lei (Lv 27.30; Dt 14.22). O povo devia levar para os levitas e sacerdotes, pois não tiveram possessão da terra (Nm 18.21-24; Hb 7.5), para que haja mantimento na Casa de Deus (Ml 3.10). Eles, por sua vez, pagavam deles os dízimos dos dízimos (Nm 18.26). O Senhor Jesus manteve os dízimos na Nova Aliança (Mt 23.23). 

 Ofertas alçadas. Além dos dízimos, havia também as ofertas alçadas para fins específicos, como na construção do tabernáculo, no deserto (Êx 25.2). Convém lembrar que oferta alçada não é o mesmo que dízimo (Ml 3.10). Ambos são bíblicos e atuais, mas são diferentes. As ofertas alçadas são esporádicas, principalmente para construção de templos e outras necessidades caso queira o doador. Os dízimos são contínuos.

 

                              BASES BÍBLICAS PARA O SUSTENTO DO MISSIONÁRIO

A igreja de Corinto não era generosa. Os irmãos da igreja de Corinto eram insensíveis às necessidades do apóstolo. Outras igrejas sustentaram Paulo para que o mesmo pudesse servir aos coríntios (2 Co 11.8). Depois que o apóstolo deixou a cidade, apresentou a sua defesa. Partindo de um raciocínio lógico, “quem jamais milita à sua própria custa?” (v.7), ele busca no sistema sacerdotal, estabelecido na lei de Moisés, o argumento para fundamentar essa verdade (1 Co 9.9,10), e também nas palavras do próprio Senhor Jesus (1 Co 9.14).

Essa é uma referência a Mt 10.10; Lc 10.7, como ele deixa mais claro em outro lugar (1 Tm 5.17,18).

Fazedores de tendas. Na cultura judaica era comum aos pais ensinarem aos filhos uma profissão alternativa; a de Paulo era a de fazer tendas (At 18.3). Utilizou-se dela para levantar seu sustento, pois temia escandalizar os irmãos e não queria correr o risco de ser interpretado como aventureiro, em Corinto. Hoje, “fazedores de tendas” é o nome que se dá aos profissionais liberais que são enviados como voluntários para prestarem serviços sociais às populações carentes nos países onde ser cristão ainda é crime. É um recurso usado para colocar legalmente um missionário num país desses; do contrário, ele nunca poderia ser aceito. 

A igreja de Filipos era generosa. A igreja de Corinto não era como a dos filipenses (Fp 4.15-19). Nenhuma igreja se preocupou com as necessidades do apóstolo, exceto a igreja de Filipos. Enviava oferta na hora em que ele mais precisava. Paulo agradecia a Deus essas ofertas “como cheiro de suavidade e aprazível a Deus” (Fp 4.16,18). É dessa mesma maneira que ainda hoje Deus recebe a oferta que você oferece para o sustento missionário. Além disso, você tem a garantia de que o Senhor suprirá todas as suas necessidades (4.19).

 

                                               COMO APOIAR OS MISSIONÁRIOS

O papel da igreja. Sãos os crentes que apóiam os missionários com suas contribuições, através da secretaria ou departamento de missões da igreja. A igreja ora, intercedendo por eles, e acompanha o seu trabalho através de relatórios escritos e também por meio de testemunhos de outros que visitam o missionário no campo. Esses responsáveis pelo sustento e pelo apoio espiritual devem entender também que fora do seu convívio a situação é muito diferente. Se não houver essa confiança, corre o risco de o trabalho no campo ficar travado. 

Apoio aos missionários. O sustento missionário inclui alimento, vestuário, moradia, educação e saúde dele, esposa e filhos. É necessário um estudo sobre o padrão de vida do país para onde vai ser enviado o missionário, a fim de que a igreja possa enviar o suficiente para o sustento dele. Nem sempre as igrejas têm acesso a essas informações, por isso existem inúmeras agências missionárias interdenominacionais, espalhadas no Brasil e em todo o mundo, com o propósito de orientar as igrejas. Hoje as igrejas estão se organizando para maior ênfase ao trabalho de missões nacionais e no exterior.

 SEMADEC Inspirada na Grande Comissão, conforme o Evangelho de Mateus capítulo 28, versículos 19 e 20 foi criada a fim de fazer o nome de Cristo conhecido em nações pouco ou ainda não alcançadas. 

 EMAD. A CGADB criou a Escola de Missões das Assembléias de Deus (EMAD), na 32ª Assembléia Geral Ordinária, em 1989, na cidade de Salvador, Bahia, para preparar e treinar futuros missionários.

               A vontade de Deus é a salvação dos perdidos da terra (1 Tm 2.4). Para que essa meta seja alcançada, Deus conta com cada um de seus filhos, com todos os seus dons e talentos. O vosso apoio aos missionários deve ser a oração, contribuição através da igreja ou de sua secretaria ou departamento de missões, contato com eles por carta, telefone, Internet, etc.

 

“Deus supre as necessidades daqueles que sustentam a obra missionária”.

 

( Lições Bíblicas CPAD 2000- 3º Trimestre /Modificado)

  

“É inconcebível que hoje, após mais de cinco décadas de experiência missionária, ainda sobreviva em nossas igrejas a concepção errônea do ‘Deus proverá’. Porque Ele já proveu o que o missionário necessita: a igreja. A proclamada fé deveria ser dirigida para outras finalidades, e não para alcançar o básico, o tangível. O obreiro de missões deve exercer a sua fé não para alcançar uma coisa que já deveria ter sido providenciada pela igreja, e sim para quebrantar os corações empedernidos e vencer as barreiras espirituais que certamente serão levantadas para impedir o seu trabalho.” (Como Ser um Missionário, CPAD, págs. 87 e 88)

Você Gostou? Concorda? ou Não? -COMENTA

Você Gostou? Concorda? ou Não? -COMENTA

Igreja Perseguida- Interceda!

 

A parte em Vermelho mostra onde a perseguição é maior.

A parte em Vermelho mostra onde a perseguição é maior.

Neste ano, o número 1 na Classificação de países por perseguição não é estranho para nós: a Coréia do Norte tem liderado a lista agora por sete anos consecutivos. Não há nenhum outro país no mundo onde os cristãos sejam perseguidos de uma maneira tão horrível e tão cruel. O reino Wahhabi da Arábia Saudita mantém seu sólido seu segundo lugar, tendo o mesmo número de pontos de outro país também dirigido pela lei sharia: Irã. O islamismo é também a religião oficial do Afeganistão, Somália e Maldivas.

O Afeganistão subiu de sétimo para quarto lugar. O país se moveu na lista devido ao aumento da pressão feita pela atuação do talibã em 2008, a situação do país está tensa. Em sétimo lugar encontra-se o Iêmen, cuja posição mudou de sexto para sétimo lugar, mas em 2008 não houve nenhuma grande mudança em relação à falta de liberdade que os cristãos enfrentam. Não houve nenhuma grande mudança na situação da liberdade religiosa no Laos, o país ainda é o número oito da lista. Dois novos países entraram no Top  10: Somália e Eritréia. No caso da Eritréia, o número total de pontos não teve alteração em comparação ao ano passado, mas outros países saíram do Top 10 e fizeram com que ela subisse. No entanto, a situação deplorável dos cristãos deste país justifica muito sua posição entre os dez mais perseguidos. Na Somália, o número de incidentes contra cristãos aumentou substancialmente em 2008, explicando assim seu aumento de décimo segundo para quinto lugar. Para China e Butão, países que saíram do Top 10, será dada uma explicação na seção “Mudanças para melhor”.

O islamismo é a religião predominante em sete dos dez primeiros países: Arábia Saudita, Irã, Afeganistão, Somália, Maldivas, Iêmen e Uzbequistão. Dois países possuem governos comunistas: Coréia do Norte e Laos. Eritréia é o único país ditatorial entre os dez piores países da lista.

 A posição na lista em relação à liberdade religiosa dos cristãos piorou em 2008 nos seguintes países:

Arábia Saudita, Irã, Afeganistão, Somália, Paquistão, Iraque, Mauritânia, Argélia, Índia, norte da Nigéria, Indonésia, Bangladesh e Cazaquistão.

Na Arábia Saudita, em 2008, não houve praticamente nenhuma mudança em relação à falta de liberdade dos cristãos. Nós recebemos mais informações de incidentes contra cristãos, o que levou a um aumento de pontos: entre outros relatos, houve um caso de assassinato de um convertido por motivo de honra familiar. Tivemos mais notícias de cristãos presos por causa de envolvimento com atividades religiosas do que nos anos anteriores.

Como resultado de alguns eventos marcantes para os cristãos em 2008, a pontuação total do Irã aumentou. Um grande número de ataques a igrejas domésticas aconteceu e muitos cristãos foram presos, marcando 2008 como um dos anos mais difíceis em relação à perseguição de cristãos desde a Revolução Islâmica em 1979. Um casal cristão morreu após ser interrogado por oficiais do governo, devido às feridas e a pressão feita enquanto estavam presos. No Afeganistão, a pressão feita pelo movimento talibã aumentou em 2008 e a situação no país é tensa. Uma cristã ocidental que trabalhava com ajuda humanitária foi assassinada em Cabul, porque, de acordo com o talibã, ela estava divulgando o cristianismo no Afeganistão o que é proibido pela lei do país. O seqüestro de trabalhadores de ajuda humanitária aumentou muito. Entretanto, a maior pressão contra os cristãos locais vem de suas próprias famílias e rede de relacionamentos. Em 2008, ocorreu uma piora considerável da situação da Somália e os insurgentes muçulmanos aumentaram sua influência. De acordo com a pesquisa, a luta entre as milícias islâmicas somalis e as forças etíopes levou a um aumento na hostilidade contra os cristãos dos diversos lugares devastados por essa guerra entre os países do Leste Africano. Recebemos um total de dez notícias de cristãos que foram assassinados por sua fé em 2008 e diversos relatos de cristãos seqüestrados ou jovens estupradas. A pressão contra a minoria cristã no Paquistão continua sem trégua. Porém, nós recebemos dados mais concretos sobre a perseguição e aprendemos sobre as crescentes dificuldades para se construir uma igreja ali. Essas são as principais causas do aumento da pontuação em relação à falta de liberdade religiosa no Paquistão.

Após um curto período de paz no Iraque no fim de 2007, a minoria cristã iraquiana enfrentou um ano violento em 2008

Fonte: Portas Abertas http://www.portasabertas.org.br/classificacao/

Classificação dos 5o países por perseguição

Classificação publicada em 12.06.2009
 
Classificação de países por perseguição
1º semestre 2009
  País Nota Incerteza
1 Coreia do Norte 90,5 0
2 Arábia Saudita 67 0
3 Irã 67 0
4 Afeganistão 63 0
5 Somália 60,5 2
6 Maldivas 60 0
7 Iêmen 57,5 5
8 Laos 55 0
9 Eritreia 55 7,5
10 Uzbequistão 54,5 0
11 Butão 53,5 0
12 China 52 0
13 Paquistão 51 0
14 Turcomenistão 50 0
15 Comores 50 0
16 Iraque 49 0
17 Catar 48 0
18 Mauritânia 48 0
19 Argélia 46,5 0
20 Chechênia 46 1,5
21 Egito 45,5 0
22 Índia 45 0
23 Vietnã 42,5 0
24 Mianmar 41,5 0
25 Líbia 41 0
26 Nigéria (Norte) 41 0
27 Azerbaijão 39,5 0
28 Omã 39,5 6
29 Brunei 38,5 1,5
30 Sudão (Norte) 36,5 0
31 Zanzibar 36 0
32 Kuweit 36 0
33 Cuba 35,5 0
34 Tadjiquistão 35 0
35 Emirados Árabes Unidos 35 6
36 Sri Lanka 34,5 0
37 Jordânia 34,5 0
38 Djibuti 34 0
39 Turquia 33 0
40 Marrocos 32,5 1,5
41 Indonésia 30,5 0
42 Palestina 29,5 1,5
43 Bangladesh 29 0
44 Belarus 28 5
45 Etiópia 28 5
46 Síria 28 0
47 Tunísia 26,5 0
48 Barein 26 1,5
49 Quênia (Nordeste) 24,5 0
50 Cazaquistão 22 0

Ordem dos 10 paises com maiores índices de perseguição

 

 
 

CORÉIA DO NORTE
CAPITAL Pyongyang POPULAÇÃO 24 milhões ÁREA 120.538 km² LOCALIZAÇÃO Leste da Ásia IDIOMAS Coreano RELIGIÃO Sem filiação e ateísmo 70%, crenças tradicionais 25%, cristianismo 1,9%

ARÁBIA SAUDITA
CAPITAL Riad (sede do reinado), Jidá (administrativa) POPULAÇÃO 21,6 milhões; Mort. infantil: 20,6%; Analfabetismo: 23% ÁREA 2.153.168 km² LOCALIZAÇÃO Sudoeste da Ásia IDIOMAS Árabe RELIGIÃO Islamismo 97%, cristianismo 2,8% MOEDA rial saudit

IRÃ
CAPITAL Teerã POPULAÇÃO 67 milhões ÁREA 1.633.189 km² LOCALIZAÇÃO Sudoeste da Ásia IDIOMAS Persa, turco e curdo RELIGIÃO Islamismo 99%, cristianismo 0,45% 

 AFEGANISTÃO
CAPITAL Cabul POPULAÇÃO 22,7 milhões; Mort. infantil: 161,3%; Analfabetismo: 63,7% ÁREA 652.225 km² LOCALIZAÇÃO Centro-Sul da Ásia IDIOMAS Dario, patanes, uzbeque e turcomano RELIGIÃO Islamismo 99,4%, cristianismo 0,01% MOEDA afegani

SOMÁLIA
CAPITAL Mogadíscio POPULAÇÃO 7,2 milhões ÁREA 637.657 km² LOCALIZAÇÃO Leste da África IDIOMAS Árabe, somali, inglês e italiano RELIGIÃO Islamismo 98%, cristianismo 1,3%

MALDIVAS
CAPITAL Male POPULAÇÃO 287 mil ÁREA 298 km² LOCALIZAÇÃO Sul da Ásia, Oceano Índico IDIOMAS Maldivense RELIGIÃO Islamismo 99,8%, cristianismo 0,12%

IÊMEN
CAPITAL Sanaa POPULAÇÃO 18,1 milhões ÁREA 527.968 km² LOCALIZAÇÃO Sudoeste da Ásia IDIOMAS Árabe RELIGIÃO Islamismo 99%, cristianismo 0,5%

LAOS
CAPITAL Vientiane POPULAÇÃO 5,3 milhões ÁREA 236.800 km² LOCALIZAÇÃO Sudeste da Ásia IDIOMAS Laosiano, francês e inglês RELIGIÃO Budismo 58%, crenças tribais 34% e cristianismo

 

ERITREIA

CAPITAL EritreuPOPULAÇÃO ÁREA 121.320 km² IDIOMAS   nenhuma a nível nacional

 

Bandeira do Uzbequistão

Uzbequistão

O que você tem em suas mãos?

     O que você tem em suas mãos

                 É notório no meio do povo de Deus, encontramos muitos irmãos que se consideram pequenos e incapazes, inclusive para contribuir com a obra missionária. Notamos que há líderes minados de baixa auto-estima achando suas igrejas humildes e pequenas para se envolverem com a obra transcultural. Precisamos nutrir nossa mente com a genuína palavra de Deus e  nos fortalecermos na graça do  Deus do impossível, que usa os pequenos e frágeis para confundir os que se consideram grandes e fortes. Tudo o que fizermos no reino de Deus, devemos fazê-lo pela fé, investindo no invisível que é o que realmente importa.

Moisés era filho da filha de faraó, ele foi criado dentro da corte da maior nação de sua época, tinha riquezas, conhecimentos e acesso a tecnologia  existente na época. De repente, ele é retirado de uma posição humanamente privilegiada, é transformado em fugitivo no deserto e então Deus decide usá-lo. Então, no meio do deserto o eterno lhe pergunta: “O que é isso na tua mão?”    (Ex 4:21) Responde Moisés: “Uma vara.”  Deus mostrou aquele homem já velho, de vista cansada, língua pesada e sem muitas perspectivas, que ele ainda poderia fazer coisas maravilhosas com o que tinha em suas mãos.

            O que dizer para uma viúva com muitas dívidas e com dois filhos? Será que alguém nessas condições poderia investir no reino de Deus?  Assim perguntou o Senhor através do seu profeta: “Dize-me o que tu tens em casa?” (2Rs 4:2) Deus sabia o que aquela mulher possuía, o que ela sentia e quais eram as intenções do seu coração. Ela agiu com fé dando tudo o que possuía, um vaso de azeite. O Profeta Eliseu, homem de Deus, um missionário que deixou sua casa e saiu para falar a palavra de Deus em todo Israel (2Rs 8:7), presenciou o milagre de Deus na família daquela mulher. Deus honrou sua atitude de fé!

Certa ocasião estava Jesus, seus discípulos e, com eles, mais de 5.000 pessoas. Jesus perguntou a um menino: “O que você tem?” Ele respondeu: “Não tenho outra coisa senão cinco pães e dois peixinhos.” Com aquele ato de fé, o garoto foi mantenedor de milhares de vidas, algo tão pequeno para um garotinho, porém quando colocado nas mãos de Deus se torna algo tão grandioso. Percebemos que o maior investimento que se pode fazer é investir Naquele que pode fazer render “abundantemente mais” o pouco que temos, duvida? Leia  João 6:13

            Missões é fazer da missão de Deus a nossa própria missão. É investirmos tudo o que temos, inclusive nossa própria vida (2Co 8:5) nas mãos do Deus Fiel, sabendo que receberemos cem vezes mais (Mt 19:29). Como servos bons e fiéis, devemos diariamente depositar tudo em Suas mãos, pois só Ele é Digno  de receber o poder, e riquezas, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e ações de graças, pois com Seu sangue Ele comprou homens de toda a tribo, e língua, e povo, e nação; (Ap 5:9,12).

 

          Não importa se é pouco (lembre-se da oferta da viúva) ou se é muito (lembre-se da atitude e do fim de Ananias At 5:1-4). Não importa se é a partir de hoje que você vai começar a contribuir com a evangelização de todos os povos da terra (MT 20:8-15), você também será galardoado!

 

       Deus usa um velho cansado ou uma viúva com muitas dívidas, ou até mesmo um jovem que tem dinheiro apenas para o lanche da tarde. O que realmente importa é deixarmos ser usados por Deus.  Entregarmos tudo a Ele, essa atitude significa muito. Mesmo que aquilo que tenhamos seja pequeno e simples, lembremos que Deus usou poderosamente a simples capa de Elias, e uma vara nas mãos de Moisés, e uma pedra nas mãos de Davi, e um lenço nas mãos de Paulo. Precisamos confiar em Deus, sabendo que Ele é capaz de usar o que temos de forma inimaginável, desde que entreguemos a Ele.

 

Por Marvyo Dharlley

 

 

 

 hands

 DEPENDE DAS MÃOS…

oscar_marvyopriscila@wordpress.com

Uma bola de basquete…
nas minhas mãos vale uns R$35,00
nas mãos do Oscar vale R$7.000,00
Depende das mãos que a seguram.

tander_marvyopriscila@wordpress.com

Uma bola de vôlei…
nas minhas mãos vale uns R$25,00
nas mãos do Tande vale uns R$5.000,00
Depende das mãos que a seguram

guga_marvyopriscila@wordpress.com

Uma raquete de tênis…
em minhas mãos não tem uso algum,
nas mãos do Guga o tornou o numero 1 do Mundo
Depende das mãos que a seguram.

moises_marvyopriscila@wordpress.com

Uma vara…    

em minhas mãos vai manter os
animais afastados de mim nas mãos de Moisés
abriu o Mar Vermelho
Depende das mãos que a seguram.

davi_marvyopriscila@wordpress.com

Um estilingue…
nas minhas mãos e apenas um brinquedo,  nas  mãos de Davi se tornou         

uma arma poderosa
Depende das mãos que o seguram.

cincopaes_marvyopriscila@wordpress.com

Dois peixes e cinco pães…
nas minhas mãos se tornam alguns sanduíches
nas mãos de Cristo alimentaram multidões
Depende das mãos que os seguram.  

 pregosnasmaos_marvyopriscila@wordpress.com

Pregos…                                                                         

nas minhas mãos podem significar a construção de uma casa
nas mãos de Cristo significaram a   SALVAÇÃO DO MUNDO
Depende das mãos ………  

Como você pode concluir agora, tudo depende das mãos…
Então coloque suas preocupações, seus sonhos, seus anseios,                              

seus temores, seus interesses, SUA FAMÍLIA,
SUA VIDA nas mãos de DEUS, pois
TUDO DEPENDE DAS MÃOS QUE OS TEM.

 

prismarfinal