Instrumentos de Deus- Parte I

orquestra

Quem deseja reger a orquestra deve dar as costas à multidão

        Quando estudava música, o maestro sempre dizia que “a música só presta quando já estamos enjoandos de tanto ensaiar”, o porquê nunca disse. Entretanto, logo pude perceber que muitos são os críticos da música, uns tocam de ouvido, outros de instinto e outros utilizam técnicas como partituras ou cifras, o importante é não se deixar levar pelos ouvintes, nem se preocupar com os comentários sobre o modo de tocar ou de reger. Bill Cosby afirma que “não conheço o segredo do sucesso, mas o segredo do fracasso é tentar agradar a todos”. É mister que concentremo-nos no que estamos a fazer e o que pensa Deus a respeito, e assumir a responsabilidade por isso.

Deve-se dar atenção às pessoas que estão conosco como auxiliadores como instrumentista da orquestra e não aos espectadores, apenas a uma pequena minoria, pois nem sempre a maioria tem razão e dizem alguns que “toda unanimidade é burra”. Embora, não creia assim tão duramente, há um ditado popular que afirma que “a voz do povo é a voz de Deus”, a minha afirmação é que se assim realmente fosse, o mundo não estaria como está. Antes de agradar as pessoas, deve-se agradar a Deus.

Quando o Senhor falou a Moisés e esse enviou doze homens a expiar a terra de Canaã, dez desses homens deixaram que a realidade roubasse aquilo que Deus preparara para seu povo, apenas dois desses, a saber, Josué e Calebe tentaram animar o povo dizendo: – Subamos felizes e possuamo-la o que Deus nos prometeu dar, pois com certeza seremos vitoriosos (Nm 13:30) porém o povo deu ouvidos ao relato dos dez, da maioria, e assim perderam o que Deus ofertara, apenas Josué e Calebe puderam usufruir da bênção (Js 14:13-14). Deus é Deus da minoria, muitos estão na igreja a louvar a Deus, porém conforme as escrituras muitos estão com o coração longe dele, não precisa fazer muito para Deus fazer seus desígnios, Deus achou muito a multidão que estava com Gideão e escolheu apenas 300 homens e ganharam a batalha (Jz 7). A porta é estreita e não larga, Deus não usa da quantidade, Sansão com uma queixada de jumento feriu mil homens (Jz 15: 15-16), Deus usou um só homem chamado Elias contra 470 profetas de Baal. Ele não precisa de muitos, basta estarem dois ou três reunidos em Seu nome que Ele já está no meio deles.

É necessário que criemos em nós um espírito como o de Josué e Calebe, como Bartimeu que clamava ao Filho de Davi diante da multidão, como da mulher com o fluxo de sangue que não viu a multidão como barreira e persistiu na bênção, homens e mulheres que deram as costas à multidão e tocaram uma linda melodia que ecoará pela eternidade, e que toca fortemente o nosso coração dando o ritmo e harmonia em nossas vidas.

O maestro que rege sua vida jamais dará as costas a você, não perca de vista os movimentos de sua batuta e continuará afinado com ele e a harmonia permanecerá sendo ouvida. E mesmo que deseje ardentemente ser aplaudido pela multidão, esse não deve ser seu propósito maior. Reja com perfeição o que Deus lhe confiou e o aplauso é conseqüência.

A vida é uma grande sinfonia, existem sons de agonia, mas estes só são tocados quando não olhamos na pauta, e/ou aquele que rege não tem domínio sobre as mãos que comandam toda uma orquestra… Deixe Cristo reger sua vida, pois Ele tem todo domínio, Ele é Deus. E espere Dele os aplausos…..             Bravo!… Bravíssimo!…..       

                                       Por: Marvyo Darley -Março de 2005

Uma resposta

  1. priscila e marvyo que deus a bençoe oramos por

    voces amo voces muito

    luana lulu amo voces muito

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: