Os mal entendidos no trabalho missionário transcultural

Os mal entendidos no trabalho  missionário transcultural

 

 

         E importante considerar que a atitude de empatia com o povo que se esta evangelizando,embora de extrema importância,não vai nos assegurar o sucesso desejado em nossa ação missionária,porque comunicar o evangelho numa outra cultura será sempre um grande desafio,mesmo para o missionário mais experiente e bem preparado.

Uma das facetas dessa problemática se encontra nos famosos mal entendidos que,embora soem como engraçados,podem comprometer a aceitação da mensagem e resultar em grandes desgastes para o missionário.

Diversos missionários e antropólogos cristãos tem narrado alguns desses episódios e são historias que merecem a nossa atenção.

Paul Hiebert nos conta sobre uma família que ingressou no campo missionário e levou consigo o gatinho de estimação.O que eles não sabiam,porem,era que na cultura daquele determinado povo apenas as bruxas possuíam gatos.Ao ver o felino da família que acabara de chegar,o povo temeu,pois havia ali uma crença de que durante a noite,quando os gatos saiam para passear,as bruxas possuíam seus corpos,para roubar a alma dos habitantes da aldeia.

Segundo a crença popular,quando alguém acordava enfraquecido e moribundo era porque durante a noite a sua alma havia sido roubada,e a única solução seria pedir a ajuda dos curandeiros.Caso contrario,o estado de fraqueza iria se agravando ate a morte.

“A coisa piorou quando o missionário se levantou para dizer que eles vieram para unir as almas!Arruinou ainda mais quando a mulher missionária lavou os cabelos no rio,e os aldeões viram a espuma do xampu caindo da cabeça.Tendo em vista que nunca haviam visto sabão,tinham certeza que as bolhas eram as almas que os missionários haviam roubado.”

Acontecimento como esse revelam a seriedade do trabalho entre outras culturas e a necessidade de um bom preparo para os nossos missionários,e também a importância da igreja brasileira promover uma ação missionária madura,assumindo com responsabilidade a sua posição nessa importante tarefa.Pois no que se refere a missões,ainda somos muito astutos na intenção,mas ingênuos na atuação.

Fonte: Revista Defesa da Fé – nº 42 – ano 3 – abril/2004 – Pagina 15

Como envolver sua Igreja com Missões

Como envolver sua Igreja com Missões

A idéia aqui é sugerir que igrejas, pastores, promotores de missões ou membros de igreja, que amam e entendem o significado bíblico de Missões, sejam desafiados a produzirem materiais motivacionais cujo tema central seja a obra missionária mundial. Use sua criatividade e tenha idéias inovadoras para mobilizar, sensibilizar e motivar sua igreja.

Motivacionais Missionários

Mapas
Nem todos conhecem bem a geografia mundial e, conseqüentemente, as fronteiras das nações. Muitas vezes pensam que quando se fala de Equador, por exemplo, imaginam ser como viajar para uma cidade no interior. Demonstrando no mapa as distâncias e as características de cada nação, como religião e distribuição de renda por habitante, as chances de uma sensibilização pela obra missionária mundial crescem. Portanto, encha sua igreja de mapas!

Estatísticas
Use as estatísticas disponíveis em inúmeros veículos de comunicação das  agências missionárias para coletar informações que impactem os irmãos de sua igreja, Por exemplo, você pode citar que a Turquia, sede das 7 igrejas do Apocalipse e outrora um referencial do cristianismo, conta hoje com menos de 0,1% de evangélicos em sua população. Ou que no Afeganistão não se conhece publicamente nenhum crente. Tais informações despertam o interesse dos membros pelo apoio à obra missionária mundial.

Cartazes missionários
Crie cartazes com frases curtas e imagens com fotos grandes e marcantes. Procure não ofender ou ridicularizar uma religião, apenas demonstre as características dos povos que a seguem, como o paganismo, a idolatria e fanatismo sacrificial. Aproveite os materiais da Campanha Missionária e afixe-os em locais estratégicos. Não esqueça de colocar seus contatos nos cartazes. Ore e aguarde o retorno.

Fotos missionárias
Destaque um lugar para colocar fotos de misssionários e dos campos para lembrar ou tornar conhecida do povo as necessidades dos países onde  possui missionários. Esta iniciativa é uma ferramenta poderosa para despertar a igreja para contribuir e orar pela obra missionária.

Frases missionárias
Imprima frases de missionários ou até mesmo citações de líderes evangélicos sobre a obra de evangelização dos povos. Essas frases, colocadas em locais estratégicos e com muita visibilidade (exemplo: hall de entrada, mural, entrada e interior dos banheiros etc.) despertarão na igreja um desejo de apoiar a obra missionária.

Testemunhos missionários
Sempre que possível, e de acordo com a agenda missionária feita pelo setor de promoção da missão, leve missionários para a sua igreja a fim de que, com seu testemunho de chamada e trabalho no campo, desperte outras pessoas para o ministério missionário ou para a intercessão e sustento financeiro.

Fonte: Junta de Missões Mundiais