Perseguição discreta

Perseguição discreta

“E também todos os que piamente querem viver em Cristo 
Jesus padecerão perseguições.”(II Timóteo 3: 12) 

 

                 

                        Quando olhamos o passado e vemos nossos pais da fé, que sofreram penas e mortes cruéis por decorrência do seu testemunho no Senhor, lemos que eles são “Homens dos quais o mundo não era digno” (Hb 11:38), e somos informados que ainda existem hoje, nossos irmãos,  que ainda sofrem as mesmas perseguições e padecem nas mãos de homens impiedosos que julgam conhecer a divindade mas que jamais conheceram o Deus de Amor (1jo 4:8).  

           Quando olhamos os antepassados, nos sentimos pequenos, e quando olhamos o presente não conseguimos imaginar a dor de não poder louvar ao Senhor sem sentir o medo das cadeias e a sombra da morte, somos impelidos a orar.

            Entretanto amados, vejo que com toda a liberdade que existe no Brasil, de se levar a palavra e poder gritar na praça pública “Sou de Jesus”, é triste este tempo em que estamos a viver. Este tempo de bonança aparente é muito mais perigoso do que nós os cristãos missionários estamos vivendo na chamada janela 10X40 ou no topo dos países perseguidores. Talvez alguém não entenda, pois tudo está tão tranqüilo e mesmo assim as igrejas têm crescido.

                 Como seres espirituais, somos chamados a ver o invisível, não a olhar somente o exterior, as lindas catedrais e as belas predicações dominicais. Estamos sobre um grande risco, nos países perseguidores do evangelho nosso inimigo aparece de forma clara, abertamente contra a Palavra Salvífica anunciada, enquanto ainda é dia(Sl 91:5-6), sem trevas ele ruge como um leão feroz contra nós (1Pe 5:8), e seu desejo diabólico é de nos matar literalmente(Jo10:10), aniquilar nosso corpo natural. É simples identificá-lo, evitá-lo e por vezes até esconder-se.

                   Em nossas igrejas, ele vem como um belo anjo de luz ( 2 Co 11:14-15), ministrando a justiça , ganha nossos púlpitos e nos ensina coisas interessantemente racionais (2Pe 2:1) encobertamente errôneas, e como são “maravilhosas” suas palavras, bondoso, olhar humilde, trajes decentes, e  o temos como um mensageiro celeste. Somos tão atraídos por suas palavras como na mitologia brasileira onde o canto da sereia atrai os navegantes e os mesmo morem no mar de seus desejos, sempre é assim, quando menos se espera , recebemos um golpe, e sentimos as garras de lobos despedaçando ovelhas inocentes. Lobos disfarçados de ovelhas que roubam a preciosa fé pura, e coloca racionalidade mundana, conformismo, triunfalismo, e uma teologia egocêntrica (ITm 4:1), guloseimas saborosas como sorvetes ou chocolates, coisas que desejamos, contudo bem sabemos que não nos alimenta, como bem relatou o autor de Hebreus no cap.13 vers.9.

                Deleites dos mais variados, podem escolher em seus cardápios a cada domingo, seguem o rei dos prazeres terreno e vêem o mundo como um lugar lindo, e não notam que estão entregues  à concupiscência da carne, à concupiscência dos olhos e à soberba da vida e não estão no Pai (I Jo 2:16), contudo servem ao deus deste século (2Co4:4). Como estão cegos!  Enganados! Bem sabemos que Satanás é o mestre do disfarce e da mentira (Ap 20:8,Jo8:44) e assim dificilmente veremos a diferença entre os filhos de Deus e os filhos da perdição (Ml 3:18).  Vemos como se fossem como árvores frondosas, que estão plantadas no paraíso, porém seus frutos trazem morte espiritual e separação do Deus Altíssimo (Gn 2:17) .

                Não nos deixemos enganar, pois nosso inimigo nestes últimos dias, se apresenta como um grande príncipe, um rei e seus súditos o adoram  com tal e não sabem que estão pobres, aleijados e espiritualmente nus (Ap 3:17).

                Vigiemos, jejuemos, oremos e por vezes imploremos a ajuda de Deus (Sl 17:8), sejamos humildes e atentos ( Mt 10:16), pois é na aparente paz que nosso inimigo ciranda, perseguindo-nos sorrateiramente , aprisionando e matando espiritualmente, Como, pois, recebestes o Senhor Jesus Cristo, assim também andai nEle, arraigados e edificados nEle, e confirmados na fé, assim como fostes ensinados pelo próprio Espírito Santo (Cl 2:6-7, Fl 3:16), seguindo as orientações dos apóstolos, edificando-vos a vós mesmos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, Conservai-vos a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna. E apiedai-vos de alguns, usando de discernimento, servindo àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçar, e apresentar-vos irrepreensíveis, com alegria, perante a Sua glória. Ao único Deus sábio, Salvador nosso, seja glória e majestade, domínio e poder, agora, e para todo o sempre. Amém. (Jd 1:20,21,22e25).

 

Por: Marvyo Darley
 
 
 

3 Respostas

  1. A paz do Senhor meu querido irmão em Cristo como vão as coisas por ai? Tenho visitado seu e vejo cada dia melhor.. Meus parabéns. Obrigado pelos arquivos. Temos o prazer de divulgados. Muita gente tem lido as noticia sdair. mande o quanto deseja. Você pode pegar nossos temas em Evangelho no Brasil e usá-los para o bem da obra de Deus, Estamos com vários temas em andamento.
    Um abraço a todos os irmãos.

  2. isso é a mais pura verdade…

  3. Que Deus vos abençoe e tenha missericordia de nossa igreja no Brasil cheia de pessoas que nao querem pagar o preço… é isso mesmo…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: